Chá de Cavalinha – Benefícios e Como Fazer →【Guia Completo!】

O chá de cavalinha traz inúmeros benefícios para a saúde e é um dos mais consumidos nessa nova onda dos produtos naturais. Atualmente, os chás de ervas estão tomando espaço para ajudar a minimizar (e até curar) muitos males, e a cavalinha se apresenta como uma opção saudável para alguns problemas comuns de saúde.

O Que é Chá de Cavalinha?

chá para perder barriga

A planta cientificamente conhecida com o nome equisetum, é do gênero dos pteridófitos, na família Pteridopsida, que se constitui as espécies que são comumente conhecidas pelo nome de cavalinhas.

A origem do nome é latina e composta por “equi” (cavalo) e “setum” (cauda), traduzindo como rabo de cavalo, devido sua aparência. A planta também recebe outros nomes como milho de cobra, erva-carnuda, rabo-de-rato, cauda-de-raposa, rabo-de-cobra, cana-de-jacaré, erva-canudo, lixa-vegetal, cola-de-cavalo.

Suas propriedades medicinais e o uso para a saúde é mais comum no Sudeste e no Sul, sendo praticamente desconhecida no Nordeste. São plantas vasculares e perfazem perto de 16 espécies dentro do gênero Equisetum. 

É um gênero de planta comum nas cidades, estando presente em todos os continentes com exceção da Antártida e da Austrália. São plantas herbáceas e perenes que secam no inverno (a maioria das espécies temperadas) ou estão sempre verdes (algumas espécies tropicais e a equisetum hyemale).

Em sua maioria crescem entre 0,12 a 1,5 m de altura, embora algumas espécies possam alcançar excepcionalmente os 2,5 m e a espécie tropial E, giganteum chega a 5 m, enquanto que a E. myriochaetum atinge os 8 m de altura.

As folhas são bem reduzidas e surgem primeiramente como pequenas inflorescências translúcidas. Possuem o caule verde com fotossensibilidade e suas características distintas são o fato de possuírem estrias e, juntas, serem completamente ocos.

Estudos apontam que a planta tenha mais de 300 milhões de anos, sendo considerada uma das formas de vida vegetal mais antigas do planeta. Ela não possui flores nem sementes, sendo que algumas espécies mostram folhas verticiladas, mas com um tamanho muito reduzido. 

O caule é verde, fotossintético, oco, e tem uma textura áspera pois possui a presença de silício, que pode ser encontrado de duas formas:

  • Caule Fértil => Curto e surge no começo da primavera. Tem na ponta a espiga que contém os esporos que é para se reproduzir.
  • Caule Estéril => Longo e aparece quando o caule fértil seca.

Quimicamente, a cavalinha possui uma quantidade grande de silício, e menor quantidade de ferro, cálcio, tanino, sódio e magnésio.

Também possui ácido cafeico, ácido fenol-carboxilico, ácido gálico, ácido palmítico, ácido silícico, apigenina, equisetonina, espermidina, glicosídeos flavônicos, luteolina, nicotina, sacarídeos, sais de potássio, saponinas, taninos, tiaminase.

Se adapta a solos úmidos e como é uma planta persistente e agressiva, é preciso tomar cuidado no cultivo para que não se transforme em uma erva daninha. Dentro das espécies de equisetum, algumas tem origem na Europa e outras ainda são de origem americana, mas todas elas possuem usos e características muito semelhantes.

No Brasil existe a equisetum giganteum (quase 5 m de altura), e é nativa das áreas de pântano de todo o país (região centro-oeste principalmente). Seu uso medicinal ocorre mais no Sul e Sudeste e consumida em doses excessivas pode causar disfunções renais e do coração. Causa intoxicação se for consumida pelo gado.

Benefícios de Consumir Chá de Cavalinha

chá cavalinha para que serve

Você viu acima as características físicas e científicas da planta cavalinha. O chá é apenas o resultado de colocar a planta em uma infusão de água quente. Mas, é importante conhecer os benefícios desse chá de cavalinha para começar a consumir desde já.

  • Fortalecimento dos Ossos: Misturar cálcio e cavalinha pode trazer benefícios relativos à densidade dos ossos. Estudos feitos na Itália mostraram que é possível minimizar a ocorrência de fraturas e deixar os ossos mais fortes consumindo a planta. Isso provavelmente ocorre devido ao alto teor de silício que a cavalinha possui e consumir a planta no meio da alimentação já tem relação com o aumento da densidade mineral óssea, principalmente em mulheres que estão passando pela pré-menopausa.
  •  Fortalece Unhas e Cabelos: Devido a grande quantidade de silício na cavalinha, ela está associada a benefícios que favorecem o fortalecimento e crescimento de cabelos e unhas.Mergulhar as unhas em uma mistura de água com 2 colheres de chá de cavalinha seca, é uma maneira de tratar unhas quebradiças e fracas. Para os cabelos a planta pode ajudar diminuindo a queda e também o surgimento de pontas duplas.Tomar o chá de cavalinha ou usar shampoos que contenham a planta, promoverá um efeito de rejuvenescimento, nutrição, fortalecimento e brilho, tratando também a ocorrência de caspa e seborreia.
  • Retenção de Líquido: Responsável pelo inchaço do corpo, a retenção de líquido se dá quando o organismo acumula água sem conseguir eliminar pela urina. O chá de cavalinha com suas propriedades diuréticas ajuda a eliminar esse excesso de líquido através da urina, permitindo que o corpo desinche.Por mais paradoxal que pareça é importante tomar bastante água para estimular a função renal, que eliminará o líquido que está acumulado, ou seja, é preciso beber água para expelir água.
  • Acelera o Metabolismo: Pode ser usado como um coadjuvante em dietas de emagrecimento, devido à sua função de acelerador do metabolismo.Quando o metabolismo funciona mais rapidamente, promove uma queima natural de gordura e calorias, tornando o processo de perda de peso mais rápido e mais efetivo.É importante entender que somente consumir o chá não solucionará o problema do excesso de peso, é importante ter uma dieta saudável equilibrada e também praticar exercícios diariamente.
  • Cuidado da Pele: A planta cavalinha tem propriedade adstringente, isso quer dizer que ela ajuda a reduzir a oleosidade da pele e também previne e minimiza o surgimento de espinhas e cravos.
    Além disso, ela também ajuda a melhorar a elasticidade da pele e diminui os problemas de flacidez (pele caída). Esmagar um pouco de cavalinha e passar na pele, promove tratamento para feridas, frieiras, queimaduras e doenças comuns da pele.
  • Ação Antioxidante: A cavalinha possui ação antioxidante, o que significa que consumir o chá dela ajudará a combater os radicais livres que promovem o envelhecimento precoce das células.
  • Cicatrizante: A cavalinha possui propriedades que aceleram a cicatrização de feridas em geral. Desde tratamento para hemorroidas, até problemas de gengivite, aftas, amigdalite e outros problemas do mesmo tipo, fazer bochechos e lavagens utilizando a planta, acelerará o processo de cicatrização.

Para Que Serve?

cha de cavalinha

Como você viu acima, a planta possui inúmeros benefícios, mas com certeza a maioria das pessoas toma o chá com o principal objetivo de emagrecer.

Nesse caso, a cavalinha ajuda na redução da retenção de líquidos, o que diminui o inchaço e consequentemente diminui o peso. Ela também é um acelerador do metabolismo o que faz com que a gordura localizada queime mais rápido.

Mas, a erva não deve ser usada continuamente, pois pode desenvolver resistência às propriedades medicinais e não fazer mais efeito.

Como Fazer

Ingredientes:

  • 2 colheres de sopa da erva cavalinha
  • Meio litro de água

Preparo:

  • Ferva a água e desligue o fogo
  • Coloque a cavalinha, tampe e deixe abafado por, pelo menos, 10 minutos para que as propriedades se soltem da planta
  • Coe e coloque o chá em uma vasilha limpa e seca
  • Tome durante o dia
  • A dose indicada é de até 3 xícaras por dia

Importante Saber

cha para emagrecer receita

  • Consulte seu médico antes de consumir cavalinha, principalmente pessoas que tomem qualquer tipo de medicamento.
  • Pessoas que tem pré-diabetes, ou diabetes Tipo 2, precisam ficar atentas aos níveis de glicose, pois a cavalinha pode provocar hipoglicemia (queda súbita do nível de açúcar no sangue).
  • Gestantes e mães que estão amamentando não devem consumir a cavalinha sem antes passar por uma consulta médica.
  • Em doses excessivas a planta pode desencadear problemas no sistema digestivo e também inflamações nas mucosas.  

Preço e Onde Comprar

Casas de ervas e produtos naturais costumam vender a planta in natura a granel.

Prefira esse tipo aos que são vendidos embalados, ou em potes, pois a erva solta costuma ser mais pura que a que passa por processos de industrialização.

Compre apenas de locais idôneos para não ter problemas com produtos adulterados.

É possível consumir a planta em suplementos vendidos em cápsulas nas melhores farmácias e lojas de suplementos e os preços variam conforme o fabricante e a quantidade de cápsulas em cada pote. Sugerimos que dê preferência para o chá natural, pois é mais saudável e lhe trará melhores resultados.

São muitos fabricantes e, por isso, é importante que você faça uma pesquisa antes de adquirir o produto, no intuito de encontrar o melhor custo x benefício.

Os valores variam entre R$30 e R$100 para a cavalinha em cápsulas e, em torno de R$6 em 100grs da erva vendida a granel de forma natural.

Sumário
Data de Revisão
Item Revisado:
Chá de Cavalinha
Classificação
51star1star1star1star1star

Sobre o autor | Website

Sabrina Alves é co-fundadora do projeto Emagrecer Para Sempre. Criou este projeto para compartilhar suas experiências pessoais de como ter um corpo magro e mais saúde.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!